Queda de cabelo: 4 causas que fazem seu cabelo cair e como evitá-las

Tá aí uma coisa que dá o maior desespero, quando percebemos nosso cabelo caindo todo, não é mesmo? A gente já pensa que vai ficar careca e é aí que os fios caem mesmo. As causas da queda de cabelo são muitas. Porém, nesse post resolvi citar as 4 causas mais comuns e que, em grande parte das vezes, você é capaz sim de evitar. Bora lá?

Principais causas da queda de cabelo

Como disse, existem outras causas mais sérias da queda de cabelo, porém, as causas que eu cito a seguir são as mais comuns e, ironicamente, as que as pessoas menos percebem, rsrs.

Dê uma analisada se elas fazem sentido pra você e faça o teste, porque dependendo do caso, você pode ver diferença no seu cabelo na mesma hora em que corrigir esses problemas!

1. Couro cabeludo sujo, entupido e afins

Esse problema é super comum, e também um dos maiores causadores da queda de cabelo. Funciona assim: o fio de cabelo nasce e cresce através dos folículos capilares, que ficam dentro do couro cabeludo.

Quando esses folículos entopem, eles não consegue mais ter a “força” necessária para “empurrar” o fio e continuar seu crescimento, entende? Inclusive isso também faz os fios ficarem mais fracos.

Isso tudo pode acontecer por causa do excesso de oleosidade na área, bem como devido ao excesso de resíduos de cremes de pentear e demais produtos finalizadores que não foram bem retirados. Ou pior, às vezes são resíduos de produtos que nem foram feitos para passar no couro cabeludo, e você foi lá e passou.

Se o seu caso for cabelo oleoso, leia esse post sobre as causas da oleosidade no cabelo e como resolver.

Porém, sendo o seu problema o cabelo oleoso ou o excesso de resíduos de produtos, o item dois com certeza irá te ajudar…

2. Falta de Esfoliação Capilar

A esfoliação capilar é responsável por, entre outras coisas, deixar o seu couro cabeludo limpinho, bem como também ativar a circulação sanguínea da área – coisa muito boa para ativar o crescimento capilar, inclusive.

Isso acontece porque a esfoliação limpa profundamente o couro cabeludo, retirando tanto o excesso de oleosidade quanto os resíduos de produtos.

Lembra que o nosso couro cabeludo funciona como um jardim cheio de plantas: se você encher ele de entulho, não só atrapalhará no crescimento e fortalecimento das mesmas, como em casos mais graves, elas podem até morrer. Certo?

E falando nisso:

3. Falta de massagem (isso mesmo) no couro cabeludo

Tá no banho passando shampoo? Massageie bem o couro cabeludo, não só para ativar a circulação sanguínea na área como já falamos, como também para garantir que o shampoo passe por toda a área e faça o trabalho dele. Se precisar, repita a dose.

Parece uma dica boba, mas muita gente só “joga o shampoo lá” e acha que ele faz milagres, e isso é um erro muito grave, visto que sem a ação mecânica, muitas vezes ele só presta para ressecar seu cabelo mesmo.

Lembre-se que o shampoo só limpa. Já a esfoliação capilar limpa, esfolia e, a depender dos componentes presentes no produto, pode inclusive hidratar. Enfim, são produtos diferentes e nunca se esqueça disso, tá certo?

O shampoo a gente usa sempre, já a esfoliação você faria só quando sentir necessidade.

4. Estresse, alimentação desregulada e problemas hormonais

Alimentação balanceada nem precisa de tópico, porque você já está careca (desculpe a piada infame) de saber, né?

No mais, pode reparar: quando começamos a ficar estressadas demais, passando por altos problemas, ou nosso cabelo começa a cair, ou aumenta a quantidade de fios brancos, já percebeu?

Ao menos com muita gente que conheço é assim.

Medite, se distraia, leia, enfim, procure hobbies e formas de lazer sempre que sua vida estiver no sufoco, até porque gente estressada tende a não só não conseguir resolver o problema, como também a piorar o sufoco junto a uma boa envelhecida no corpo, concorda?

E se achar que esse não é o seu caso (apesar de que uma coisa não anula a outra), não deixe também de procurar um nutrólogo, bem como deixar seus exames hormonais e de nutrientes em dia. Vai que essa sua queda capilar está vindo de dentro pra fora? Aí não tem produto que resolva, né?

E ah, lembra do papo da alimentação acima? Uma alimentação desequilibrada também pode estar te deixando com falta de nutrientes necessários para a boa saúde capilar, e esse é mais um motivo para fazer exames e descobrir sobre tudo e mais um pouco que você pode melhorar na sua alimentação e no seu organismo, até porque, como o cabelo (assim como as unhas) não ser considerado um item fundamental para a nossa sobrevivência, ele é um dos primeiros a ser prejudicado quando temos algum problema de saúde, já reparou?

Espero ter ajudado e, não deixe de seguir nas redes sociais para mais dicas inéditas, InstagramYoutubeFacebook.

Beijos!
signature

Cadastre-se pra não perder nenhum post!

Cadastre-se com seu e-mail pra receber todos os posts e novidades!

Deixe seu comentário ou dúvida:

Ou, se preferir, comente aqui:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Nenhum comentário ainda.

Criei esse espaço para que a gente possa trocar nossos melhores truques sobre cabelos cacheados (mas nem sempre), saúde, beleza, autoestima e o que mais der na telha.

Previous
Sobrancelha Shadow: quanto tempo dura? É tatuagem?
Queda de cabelo: 4 causas que fazem seu cabelo cair e como evitá-las